IRRF: saiba como calcular o imposto de renda pela tabela de retenção

Leonardo Pereira
Leonardo Pereira
Economista

O imposto de renda retido na fonte (IRRF ou IRF) é um tipo de tributo descontado diretamente dos rendimentos ou salários de empregados, por parte daqueles que os contrataram.

Corresponde também a outros tipos de rendimentos como de aluguéis, rendimentos pagos entre pessoas jurídicas ou trabalho não assalariado.

Cálculo do IRRF

O cálculo do imposto de renda retido na fonte segue uma tabela progressiva da Receita Federal. O IRRF mais comum é aquele descontado do salário de pessoas físicas.

Tabela IRRF

Tabela IRPF

A tabela com as taxas de incidência, atual e de anos anteriores, pode ser encontrada no site da Receita Federal em Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF).

Inicialmente encontramos a faixa salarial que fica isenta de pagar este imposto. A partir desta, aparecem as outras faixas salariais e suas respectivas alíquotas.

Antes de calcular a alíquota será preciso encontrar a base de cálculo. Do valor bruto são descontados valores que não incidem o imposto de renda tais como:

  • O desconto ao INSS,
  • O valor fixo por dependentes (R$ 189,59 cada),
  • Pensão alimentícia,
  • Previdência Privada,
  • Parcela isenta para aposentados,
  • entre outras deduções.

No caso da contribuição ao INSS, o cálculo é feito progressivamente em alíquotas entre 7,5% e 14% e pode ser encontrada aqui.

Da mesma forma é o cálculo do imposto de renda. O cálculo progressivo conta com parcelas de dedução que permitem calcular diretamente do valor encontrado na respectiva linha. Veja um exemplo simples logo abaixo.

Exemplo

Como exemplo temos um trabalhador com 1 dependente e salário mensal bruto de R$ 2.900,00.

1 - Subtrair a quantia destinada ao INSS calculada progressivamente:

  • (R$ 2.900,00 - R$ 2.427,35) x 12% + (R$ 2.427,35 - 1.212,00) x 9% + 1.212,00 x 7,5% = R$ 256,99
  • Base de Cálculo para o IRRF: R$2.900,00 - R$ 256,99 = R$ 2.643,01

2 - Subtrair da base de cálculo a quantia que corresponde ao dependente:

  • R$ 2.643,01 - R$ 189,59 = R$ 2.453,42

3 - Descontar a alíquota conforme sua porcentagem. Neste caso se encaixa na segunda linha da tabela:

  • R$ 2.453,42 x 7,5% = R$ 184,01
  • R$ 184,01 - R$ 142,80 = R$ 41,20

Vemos que a quantia a descontar, e que será destinada ao imposto de renda retido na fonte, será no valor de R$ 41,20. Se quisermos saber o salário líquido basta calcular:

  • R$ 2.900,00 - R$ 256,99 - R$ 41,20 = R$ 2.601,81

Se preferir, utilize a nossa Calculadora de Salário Líquido

Entenda melhor como é calculado o desconto ao INSS

Restituição do IRRF

Com a entrega da declaração do Imposto de Renda que ocorre anualmente, a Receita consegue verificar toda a quantia em rendimentos e despesas do ano. Neste processo são oferecidas deduções ao imposto, que pode diminuir o imposto a pagar.

Na verificação destes valores é considerada toda a quantia que já foi descontada durante o ano. Se essa parte já cobre todo o imposto pago, a parte que sobra é devolvida como restituição.

Saiba como declarar o Imposto de Renda.

Conheça mais: ISS - Imposto sobre serviços.

Leonardo Pereira
Leonardo Pereira
Licenciado em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto (2022), em Portugal
IRPJ IRRF: saiba como calcular o imposto de renda pela tabela de retenção O que é ITBI