Calculadora de Salário Líquido

Saiba como calcular o salário líquido passo a passo.

Como calcular o salário líquido?

Para utilizar a calculadora e calcular seu salário líquido o primeiro passo é conhecer qual seu salário bruto, também conhecido por salário nominal, que é acordado com a empresa. É este valor que deve ser preenchido em Salário Bruto.

Dependentes

Após isso, é preciso colocar o número de dependentes que você possui, incluindo cônjuge, filhos maiores de 21 anos, pais ou avós, que não possuam rendimento próprio. Com os dependentes há uma dedução que diminuem os descontos de Imposto de Renda.

Outros descontos

Os outros descontos são aqueles que acontecem em acordo direto com a empresa, como por exemplo os descontos para vale-transporte, convênios médicos, seguros e outros semelhantes. Se você não sabe quais são pode consultar o RH de sua empresa, ou em folhas de pagamento (holerite) que já recebeu anteriormente.

Como funciona a calculadora

Através da calculadora conhecemos nosso salário líquido, ou seja, o valor que recebemos depois de todos os descontos feitos.

O primeiro cálculo de desconto é feito para o INSS, valor que se destina à Previdência Social. A partir de seu salário bruto, o desconto é feito seguindo a seguinte tabela:

Tabela de contribuição INSS 2020
Salário de contribuição Alíquota Parcela a deduzir
Salário mínimo: R$ 1.045,00 7,5% -
De R$ 1.045,01 a R$ 2.089,60 9% 15,67
De R$ 2.089,61 a R$ 3.134,40 12% 78,36
De R$ 3.134,41 a R$ 6.101,06 14% 141,05

Este cálculo é feito progressivamente. Dentro de cada faixa salarial o trabalhador contribui com a respectiva alíquota até atingir o valor do salário nominal.

Para quem recebe acima de R$ 6.101,06 contribui com o máximo da previdência, equivalente a R$ 713,10.

O segundo cálculo é feito sobre o IRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte. A tabela de valores para o desconto pode ser conferida abaixo:

Tabela IRRF
Base de cálculo Alíquota Parcela a deduzir
Até 1.903,98 - -
De R$ 1.903,99 até R$ 2.826,65 7,5% 142,80

De R$ 2.826,66 até R$ 3.751,05

15% 354,80
De R$ 3.751,06 até R$ 4.664,68 22,5% 636,13
Acima de R$ 4.664,68 27,5% 869,36

Além da porcentagem que é descontada, existe uma parcela que reduz o desconto pela parcela a deduzir. Existe ainda a dedução de R$ 189,59 por cada dependente.