Home Broker: o que é e como funciona?

O que é o Home Broker?

Home Broker é uma plataforma que serve principalmente para a compra e venda de ações pela internet.

O sistema é oferecido por corretoras a seus clientes que, além de ações, podem investir em outros tipos de investimentos financeiros através dele.

Além de negociar ativos, o home broker é uma plataforma que organiza os preços das cotações. Também fornece gráficos que auxiliam nas tomadas de decisão de cada investidor.

O termo home broker indica que os investimentos podem ser feitos em qualquer lugar, inclusive de casa, o que significa que o próprio cliente é quem comanda sua carteira de investimentos.

Como funciona o Home Broker?

No Brasil, as ações de empresas de capital aberto podem ser compradas na Bolsa de Valores de São Paulo, atualmente conhecida como B3. Para estar em contato com a bolsa e comprar ações, existe o intermédio das corretoras.

Anteriormente, ainda sem a existência dessa plataforma, havia a presença dos brokers na bolsa. Estes realizavam compras e vendas em nome das corretoras e clientes.

Com o sistema, a ordem de compra ou venda passou a ser imediata e feita pelo próprio investidor.

Quem deseja comprar ações deve abrir uma conta em uma corretora autorizada. O home broker é oferecido online pela própria instituição e em algumas versões pode ser grátis.

Ao abrir a conta, o dinheiro a ser investido deve ser transferido para ela. Quem investe pode utilizar o sistema home broker para acompanhar as entradas e saídas de dinheiro.

Na plataforma, é possível encontrar os preços de cada ação no momento e as análises de subida ou decida desses preços.

Um bom home broker deve ser rico em informações, ter uma boa aparência e ser prático no momento de comprar ações.

Como comprar e vender ações no Home Broker?

No mercado de ações, os preços são determinados pela oferta de quem vende e a procura por quem deseja comprar.

Pelo home broker, é possível emitir uma ordem de compra pela ação que deseja adquirir, adicionando o preço que pretende pagar por ela. Caso algum vendedor aceite a proposta, a ação será comprada e a corretora cobrará uma taxa de corretagem.

Além disso, cada uma das ações devem estar identificadas com seus respectivos códigos e cotações para a compra.

Na plataforma, deve existir também o local para emitir a ordem de venda, para que você possa vender as ações que possui. O processo para a venda é o mesmo. Basta indicar qual ação quer vender e digitar o preço e a quantidade que deseja.

Quando uma ação é colocada à venda, compradores fazem suas ofertas pelo ativo. Se achar que alguma oferta vale a pena, pode aceitar no próprio sistema.

Todo o processo acontece na "boleta", local onde ativos são colocados à venda. No home broker deve aparecer em uma aba ou página separada.

Para entender ainda melhor sobre o assunto, saiba como investir em ações em 4 passos.

Holding Home Broker: o que é e como funciona? Home Office