Branding: entenda o seu significado para a gestão de uma marca

O que é branding?

O branding é a estratégia que uma empresa adota quando cria uma marca para os seus produtos. A marca é o que define as experiências que o consumidor tem quando o produto é conhecido no mercado.

Esta estratégia de marketing consiste em criar um nome, simbolo ou mesmo um design que identifique o produto vendido pela empresa. Além disso, é ela quem distingue as outras concorrentes.

A marca atribui ao produto a sua publicidade. É a forma como os consumidores o reconhecem quanto a seus atributos, utilidade e, até mesmo, a qualidade que oferece.

Para o branding ser feito, as estratégias de marketing consistem em posicionar e desenvolver a marca de modo que tenha o efeito pretendido pela empresa.

O que é uma marca?

Uma marca pode ser um nome, termo, sinal, símbolo, design, logotipo ou uma combinação de tudo isto para identificar o produto e a empresa.

Esta identificação cria um vínculo do consumidor com o produto quando ele já o identifica facilmente pela marca, conhecendo todas as suas características por este meio.

Desta forma, a marca agrega o conhecimento e as experiências que o público-alvo tem pelo produto.

Como fazer um branding

O branding é feito através da gestão da marca, tornando esta ainda mais conhecida. Essa estratégia vem com o desenvolvimento do produto pela empresa e com a decisão dos elementos que a marca deverá ter.

A gestão da marca é uma estratégia com prazo alargado e consiste em estruturar e promovê-la no mercado para que se tenha os efeitos pretendidos. O principal deles é que seja sinônimo de qualidade ao ser lembrada pelos consumidores.

O branding também auxilia na segmentação do mercado. Por exemplo, uma empresa que vende iogurtes pode criar diferentes marcas que identificam cada tipo - com menos açúcar, menos gordura, sem lactose, mais líquidos, entre outros. Cada consumidor com um gosto diferente deverá conseguir identificar o produto que deseja pela marca.

No gerenciamento de uma marca, o esforço é feito para que o produto seja bem reconhecido e mantenha o status que alcançou.

Quem gerencia uma marca deve analisar como o produto tem sido reconhecido pelos consumidores. Mesmo que com os anos a marca se estabeleça no mercado, deve ser gerenciada com inovação e criatividade da administração.

Alguns atributos essenciais para a marca que os gestores devem levar em consideração:

  • Deve indicar e sugerir os benefícios e qualidades;
  • Ter um bom nome, ser facilmente pronunciado e lembrado;
  • Diferenciar-se facilmente dos concorrentes;
  • Estar bem posicionada no mercado;
  • Devem ser conhecidos os pontos fortes e fracos da marca.

Com toda a gestão da marca, o que se deve conseguir é que ela seja valorizada pelos consumidores. Quando um público-alvo é conquistado e bem mantido, o valor que a marca agrega só tende a gerar bons resultados para a empresa.

Benefícios em ter uma marca

Quando a marca atinge seus objetivos, consegue gerar sensações e transmite com facilidade os atributos e qualidades do produto aos consumidores.

Uma marca poderosa indica que a empresa é muito valorizada no mercado, num efeito conhecido como brand equity. Todo este valor pode ser mantido com uma eficiente gestão da marca.

Além disso, todo o esforço em manter a qualidade pode ser passado através da marca. O reconhecimento que os consumidores adquirem pode ser o fator essencial na hora de diferenciar dos concorrentes.

Quer conhecer ainda mais? Saiba como definir um mix de produtos e quais fatores considerar. Entenda, ainda, os 4Ps do mix de marketing.

Bolsa de valores Branding: entenda o seu significado para a gestão de uma marca BRIC