O que é Balancete de Verificação

As demonstrações de uma empresa resultam dos saldos das várias contas conforme vão sendo registradas. O Balancete de Verificação é um documento que reúne estes saldos e serve para verificação dos mesmos.

Este Balancete é utilizado ainda durante as apurações da contabilidade principalmente para a verificação de possíveis erros nos saldos e antes de se formar nas demonstrações finais.

Quando faz parte da fase inicial de apuramento, é conhecido como Balancete inicial e é utilizado para regularizações ainda antes de se apurar os resultados da empresa (lucro ou prejuízo).

Com as regularizações feitas e com os resultados calculados é obtido o Balancete final, podendo se formar no Balanço Patrimonial e nas Demonstrações de Resultados do Exercício.

Como é feito um Balancete de Verificação

O Balancete de Verificação contém os saldos das contas de um outro documento contábil conhecido como Razão. Nele são registradas todas operações a débito ou a crédito do período.

Ao Balancete são passados apenas as quantias somadas do Razão para cada conta, sintetizando toda a informação financeira em um único documento.

Um dos objetivos principais do Balancete de Verificação é que o total de débitos seja igual ao total de créditos. Isso acontece porque, pelo método digráfico, um débito em uma conta origina crédito em outra. Se em algumas delas uma operação estiver em falta, o balancete não estará saldado.

A montagem do Balancete de Verificação é feito em colunas que incluem os nomes de cada conta, o total de operações a débito e a credito e os saldos de cada uma delas. O saldos podem ser os anteriores e os atuais, depois dos movimentos.

Exemplo

No quadro abaixo temos um exemplo de um Balancete de Verificação com os movimentos do período na coluna do meio:

Exemplo de balancete de verificação contendo os saldos anteriores e após os movimentos do período
Valores em R$

Esse balancete traz a identificação das contas, os seus saldos antes dos movimentos e os saldos após as movimentações do período a analisar.

Vale notar que as movimentações podem alterar o saldo da conta de um período a outro. No caso da conta caixa, por exemplo, ao saldo já existente "entraram" R$ 150.000,00 e "saíram" R$ 154.500,00.

Por ser uma conta dos Ativos do Balanço, o saldo positivo fica a débito. Neste caso:

  • R$ 13.000,00 + R$ 150.000,00 - R$ 154.500,00 = R$ 8.500,00

Como as contas possuem operações que inter-relacionadas, o total de débitos e o total de créditos resultam nas mesmas quantias.

Nos próximos passos, o contabilista pode efetuar as correções que forem necessárias e desenvolver um novo balancete se for preciso.

Nas operações finais são saldadas as contas de rendimentos e despesas para a formação da Demonstração de Resultados do Exercício. Os saldos que permanecem destinam-se ao Balanço Patrimonial.

Publicado em
Balanced Scorecard - BSC O que é Balancete de Verificação Balanço de pagamentos