Net Sales

Net Sales são as vendas líquidas de uma companhia. Para o cálculo das net sales considera-se a receita total pelas vendas e subtrai-se descontos, custos com devoluções, perdas e danos, entre outros.

Normalmente é o primeiro índice a ser observado por um consultor financeiro ou analista para verificar a qualidade das transações da empresa. É a partir das net sales que se consegue encontrar possíveis dificuldades na questão comercial ligadas a sucessivas trocas, excessos de descontos, entre outros.

A leitura das Net Sales dá uma noção mais apurada ao gestor do que as vendas vem rendendo. É distinto das vendas totais, que dependendo da diferença entre uma e outra podem confundir o administrador, com uma falsa noção de altas nas vendas mas que podem representar prejuízos.

Por exemplo, uma loja faz uma promoção relâmpago com preços muito abaixo da concorrência e tem sucesso na ação. Quase a totalidade do estoque é vendida. Mas para poder fazer frente às outras lojas, foi preciso reduzir muito a margem de lucro, quase não cobrindo a operação. E algumas das mercadorias apresentavam defeitos e precisaram ser trocadas, o que reduziu ainda mais as net sales. No fim do período, as vendas totais foram altíssimas, mas as net sales chegaram quase ao limite do mínimo para a rentabilidade da operação. A conclusão a qual o gestor chegou foi que a queima de estoque não fora eficiente do ponto de vista do lucro para a empresa.

Fórmula para calcular net sales

A fórmula para as net sales parte das vendas brutas (o total vendido) menos devoluções, abatimentos e descontos. Por exemplo, se uma uma determinada empresa vendeu R$ 100.000 em um mês no total, mas deste montante, R$ 20.000 foram dados em descontos e R$ 5.000 foram perdidos em erros na entrega, as net sales da empresa, as vendas líquidas, ficam em R$ 75.000, de acordo com a fórmula:

Net Sales é o total de vendas menos descontos e perdas