O que são Opções

As opções são contratos de ações ou outros ativos que, quando adquiridos, acompanham o direito de adquirir ou vender os ativos que fazem parte do contrato.

Existem dois tipos de contratos de opções: opções de compra (call options) e opções de venda (put options).

Os contratos que envolvem opções não obriga o titular à compra ou venda dos ativos envolvidos, mas sim o direito para tal.

Sendo assim, as opções funcionam como um tipo de "reserva", onde o titular adquire a opção sobre o ativo escolhido.

Como funciona o mercado de opções

O mercado de opções é o local onde são negociados os direitos de compra ou venda de um ativo, por meio da Bolsa de Valores, onde os preços e prazos são pré-definidos.

Quando adquire uma opção, o beneficiário passa a ter um direito de adquirir ou vender o ativo selecionado pelo valor combinado, normalmente sendo lotes de ações.

Os ativos mais comuns negociados em bolsa são: ações, moedas, títulos, commodities, índices e contratos futuros. No Brasil, as opções são negociadas pela Bovespa.

Agentes do mercado de opções

No mercado, aqueles que adquirem opções são conhecidos como "titulares", que passam a ter este direito, enquanto os "lançadores" são aqueles que as vendem, e contraem a obrigação. 

Para adquirir uma opção, o titular deve pagar um prêmio e exercer ou não o direito relacionado. Já o lançador, se torna obrigado com o negócio até a data de vencimento.

Não exercido o direito até o vencimento, o titular perde o prêmio, que havia pago como uma espécie de "sinal", ao lançador.

Tipos de opções no mercado e nomenclatura

As opções são negociadas diferentemente entre opções de venda e opções de compra:

  • Opções de compra (Call): o titular adquire o direito de comprar o ativo em certa data, a um determinado valor;
  • Opções de venda (Put): o titular adquire o direito de vender o ativo em certa data, a um determinado valor.

Além disso, as opções possuem duas classificações quanto ao período que a opção pode ser vendida ou comprada, que são opções do tipo:

  • Americana: a opção pode ser exercida em qualquer período;
  • Europeia: a opção apenas pode ser exercida na data de vencimento;
  • Bermuda: opções que podem ser exercidas em diferentes datas fixadas.

Códigos das opções

A nomenclatura das opções são identificadas conforme o ativo que está sendo negociado, e no caso da bolsa elas aparecem em forma de códigos.

Os códigos começam com as iniciais da empresa em que a ação diz respeito, seguido da letra que indica o mês de vencimento da opção, sendo entre A e L para opções e compra e de M a X para opções de venda. Além disso, o código é finalizado com o preço de exercício da ação.

Por exemplo, para uma opção de compra da Petrobras, com vencimento em novembro e preço de exercício R$ 50, o código vem como PETRK50.

Oligopólio O que são OpçõesO que é Open Market