O que é liquidez?

Liquidez é a facilidade de um ativo ser transformado em dinheiro sem perdas significativas em seu valor. Esse conceito se refere à agilidade com que um investidor consegue se desfazer de um investimento para voltar a ter dinheiro na mão sem que, para isso, precise ter prejuízo.

Ao fazer um investimento, um investidor troca uma quantia de dinheiro por um ativo. Esse ativo pode ser um título público, uma caderneta de poupança, ações de empresas ou um imóvel, por exemplo.

Se esse investidor tiver algum imprevisto e precisar do dinheiro de volta, ele precisará se desfazer do bem ou do direito que adquiriu. No entanto, alguns desses investimentos têm uma maior liquidez do que outros, ou seja, é mais fácil e rápido de os transformar em dinheiro do que outros.

Liquidez dos investimentos

Um exemplo de investimento de alta liquidez é a caderneta de poupança. Caso o investidor precise resgatar o que tem depositado na poupança, conseguirá fazer isso de forma imediata. Já um imóvel é um investimento de liquidez baixa, pois pode ficar meses à venda sem que apareça um interessado em comprar.

Para vender seu imóvel rapidamente, o investidor precisaria colocar um preço mais baixo do que o mercado. É por isso que se diz que a liquidez engloba em seu significado tanto a dimensão da agilidade da conversão em dinheiro como a da perda de valor. O risco de liquidez é a possibilidade de não conseguir negociar um ativo sem que seu preço seja afetado.

A menos que se tenha a certeza de que não será necessário resgatar seu dinheiro no curto prazo, é recomendável que se considere ativos de alta liquidez para aplicações. Caso se tenha outros recursos para usar em caso de emergência financeira, aplicar em ativos de baixa liquidez pode ser interessante, se eles tiverem uma perspectiva de rendimento mais elevado no longo prazo.

Armadilha da liquidez

Em economia monetária, a armadilha da liquidez (liquidity trap) é um processo identificado pelo economista John Maynard Keynes no qual uma economia, após sucessivas reduções dos juros para estimular o consumo, chegaria a taxas próximas a zero.

Com juros tão baixos, os agentes econômicos não teriam estímulos para fazer investimentos de longo prazo, preferindo optar por manter seus recursos em dinheiro ou fazer investimentos de curto prazo, o que contribuiria para agravar a recessão.

Liquidez na análise de crédito

A liquidez também pode ser entendida como a medida dos recursos que uma empresa possui para quitar suas obrigações com terceiros. Para medir essa liquidez, são utilizados indicadores, como os índices de liquidez corrente, liquidez seca, liquidez imediata e liquidez geral.

Você também pode ter interesse em índices de liquidez, para conhecer mais sobre os indicadores que medem a saúde financeira de uma empresa.

Liderança liberal O que é liquidez?Livro caixa